Música paga – como e onde comprar

450x-stereo_2Apesar da falácia imposta pela pirataria generalizada que toma conta do Brasil e do Mundo, várias empresas disponibilizam milhares de músicas que podem ser adquiridas de forma legal e por preços e condições bastante atraentes.

Neste post vamos nos atentar às possibilidades disponíveis no mercado brasileiro, ou seja, nos sites que vendem música pela Web. São várias opções e sites que possuem acordos com as principais gravadoras, selos, distribuidoras e outras empresas que produzem e distribuem música para venda através da rede. A forma mais comum é a venda da música, ou seja, do arquivo de música -  que pode variar desde a venda da faixa individual (por música), do álbum (como um CD ou vinil) ou mesmo através da modalidade clube (onde o sócio paga um valor por mês e pode baixar uma quantidade de músicas disponíveis conforme a cota).

Os sites aqui citados são os principais portais que disponibilizam seus serviços de música paga, principalmente oriundos de grandes marcas, como o UOL ou Terra. Além destes, há outras iniciativas que oferecem serviços que utilizam modelos muito semelhantes ou mesmo iguais aos dos grandes portais. O principal meio de pagamento é o cartão de crédito.

Estão disponíveis vários estilos em cada site, mas a predominância são para os títulos mais populares e da moda (como funk, samba, sertanejo, pop e rock). Os títulos mais novos são as principais ofertas, pois já saem prontos para o mundo digital, diferente das gravações mais antigas – que precisam ser digitalizadas, tratadas e recatalogadas para serem vendidas como arquivos. Há sites que não dispõem de títulos de música erudita, jazz ou mesmo MPB, pois tem como foco o público mais jovem – já habituado com o mundo da internet, dos celulares e tocadores de MP3, público esse que tende a consumir mais o formato digital sem a mídia física.

A grande maioria dos sites vende os arquivos de música em formato WMA – o formato da Microsoft (Windows Media Audio), já que  este formato possui os mecanismos mais utilizados de proteção contra cópia ilegal baseado no protocolo DRM (Digital Rights Management) para proteção de direitos autorais. O DRM limita, por exemplo, que uma música seja reproduzida em vários players de forma indiscriminada. Geralmente o usuário baixa o arquivo em seu PC e pode reproduzi-lo em mais um player (como um celular) quando este estiver no formato de arquivo digital. No entanto, pode-se converter para o formato de CD convencional para reprodução no carro, no aparelho de som e até gravar a música em uma fita K7 – se o comprador assim desejar!

Vamos às opções e um breve descritivo de cada um:

  • Sonora – sonora.terra.com.br | Serviço do portal Terra que oferece a opção de downloads ilimitados através do Sonora Clube (o mais completo) . São vários planos à disposição, como o plano Sonora Plus, onde o usuário paga menos de 10 reais/mês e tem todo o acervo à disposição – inclusive com a opção de rádios, playlists, compartilhamento e 24h para escutar o que quiser – mas sem a opção de download. Também existe a possibilidade de compra das faixas por preços atrativos.
  • iMusica – www.imusica.com.br | Serviço do site ideasnet oferece a possibilidade de compra das faixas através de créditos. Trabalha no formato WMA/DRM. Você compra créditos pelo cartão de crédito e depois escolha as músicas de sua preferência no catálogo do iMusica. Possui várias categorias de estilos, inclusive Audiobooks. Vale a pena conferir!
  • Baixahits – www.baixahits.com.br | Serviço oferecido pelo grupo JovemPan, o baixa hits é direcionado ao público jovem, mas não restrito a ele. Possui vários gêneros à disposição; as músicas podem ser adquiridas por faixa ou álbum através de cartões de crédito e transferência bancária. Possui um plano de pagamento mensal para rádios online do acervo, com mais de 60 rádios prontas e outras que podem ser criadas pelo assinante. Também trabalha no formato de arquivos WMA para a opção de downloads. As músicas podem ser baixadas várias vezes no mesmo PC, possibilitando até a conversão em formato MP3 – com explicações passo a passo na opção de Ajuda do site. Serviço bastante flexível.
  • Yahoo Musica – yahoo.imusica.com.br | Serviço muito parecido com o iMusica do ideasnet (veja acima). Possui características de venda, download e gêneros bastante semelhantes. Uma característica interessante é o iLista, onde o usuário pode montar sua lista com as preferidas antes de comprar o seu álbum personalizado. Também possui Audiobooks para venda e trabalha com o sistema de créditos. Formato WMA dos arquivos baixados.
  • UOL Megastore – megastore.uol.com.br | Um dos mais antigos, derivado de certa forma das playlists e radios UOL, o Megastore oferece uma grande quantidade de gêneros para escolha. Trabalha no sistema de créditos para aquisição das faixas, que varia de 5 a 120 reais – através de cartão de crédito ou via boleto bancário.  As músicas são fornecidas no formato WMA e MP3, podendo ser copiadas para até 5 computadores. Como nos outros serviços, o formato WMA/DRM poderá ser reproduzido apenas em aparelhos que permitem decodificar o protocolo DRM. Todas as músicas podem ser escutadas por 30 segundos – através do ícone do alto falante ao lado de cada música.
  • Warner Music Store – www.warnermusicstore.com.br | Permite baixar as músicas da gravadora no formato WMA/DRM através de créditos comprados via cartão de crédito. As músicas podem ser compradas individualmente ou o álbum completo. Possui a opção da iLista para montar sua lista antecipada de faixas e depois comprar com tranquilidade.
  • Universal Music Brasil – universal.imusica.com.br | De forma semelhante à Warner (pois utiliza a mesma tecnologia iMusica Distribuição Digital), é possível baixar as músicas e álbuns do grande catálogo da Universal no formato WMA/DRM. O mesmo processo de créditos para a compra das músicas é utilizado como nos outros sites de compra de música digital.
  • Biscoito Fino -www.biscoitofino.com.br | Disponibiliza diversas faixas de seu catálogo em formato MP3 com padrão de 192kbps. A biscoito fino possui uma seleção eclética de classe, com títulos exclusivos só encontrados aqui! Confira! Compras via cartão de crédito e depósito bancário.
  • Musig do IGmusig.ig.com.br | Com a opção de assinatura (permitindo baixar uma quantidade ilimitada de músicas) ou por meio de aquisição de créditos, o cardápio variado do Musig é também uma ótima opção para a compra de músicas através da Web. Disponibiliza as músicas em WMA/DRM, mas algumas são fornecidas também em MP3. Possui a opção do cartão Vale Presente – para oferecer créditos que o presenteado poderá utilizar para baixar as músicas que desejar.

Mais alguns sites onde você poderá adquirir músicas originais e legais:

Algumas considerações interessantes a respeito da música paga comprada via download são:

  • As músicas possuem qualidade garantida – quando comparadas às baixadas por redes P2P ou copiadas de amigos ou sites de procedência obscura
  • Possuem informações corretas – diferente de muitas músicas que possuem nome trocado ou informações erradas, como o cantor
  • Não possuem 0 risco de estar contaminada com scripts maliciosos – o que pode ocorrer em alguns casos
  • Estão íntegras – o que não ocorre com músicas digitalizadas disponíveis de forma gratuita na Web
  • Você não se sentirá como um “ladrão” dos direitos autorais quando baixando músicas ilegais das redes P2P ou de sites de músicas gratuitas :)

Baixando os sons destas diversas lojas legais, é possível posteriormente convertê-los para outros formatos, ou seja, desde a criação de CDs de audio, até outros formatos. Depois de convertidos, é só inserir suas músicas e audiobooks para seu player de mp3, no carro, home theater, celular ou qualquer outro reprodutor digital. Algumas destas lojas possuem também vídeos para venda – não deixe de consultar caso esteja procurando um vídeo que precise ou deseje adquirir.

Ficou alguma dúvida, deseja indicar outra loja ou mesmo comentar algum detalhe do post? Use o espaço para comentários e go ahead!

5 Comentários para: “Música paga – como e onde comprar

  1. Manolo

    Tinha no meu computador um arquivo de música “Top of charts 2004″ que baixei pelo Limewire.
    Dentro desse arquivo continha 4 músicas no formato “WMA” identificadas apenas como track 1, track 2, track 3, track 4. As músicas eram abertas via Windows Media Player/wimpy player wasp, com aquisição de direitos de uso de mídia (DRM).
    Não consigo mais acessar as músicas e não tenho informação alguma sobre compositor e nomes das
    músicas (estilo: Instrumental Jazz Rock). Gostaria de obter maiores informações das mesmas para poder comprá-las. Se alguém puder me fornecer alguma informação, eu agradeço.
    email: oliveralmeida@ig.com.br

  2. Carlos

    Como fazer para converter os arquivos comprados (VMA) para MP3? Existe algum programa para dowload que auxilie no processo?

  3. Jorge

    Comprei musicas nos sites do Terra (Sonora) e do UOL. O sistema DRM é confuso e mal explicado. Paguei por musicas em formato WMA que ate hoje nao consegui transferir para o MP3 player. Acho que ainda ha muito que evoluir. Nao quero piratear, mas o DRM é algo muito complexo para o usuario comum. Minha saida vai ser voltar a comprar CDs, infelizmente

  4. Jonathan

    Oi tenho uma duvida e ficaria muito feliz se alguem pudesse me esclarecer, sou musico e gostaria de saber se alguem sabe como posso colocar musicas minhas nestes sites de downloads pagos, pois já coloquei musicas em alguns sites mais todos de downloads gratuitos porem gostaria de saber se é possivel para quem tem trabalho independente e não tem vinculo com nenhuma gravadora disponibilizar seus trabalhos para download pago…Obrigado.

  5. Dangelle

    Jorge. Compro regularmente músicas desses sites.
    Para transferir para MP3, primeiro gravo um CD no formato original (WMA), com o próprio Windows Media Player, cuidando para não deixar habilitada a opção de música protegida (desmarque). Infelizmente nesse CD não fica gravado o nome dos tracks (fica track1, track2…), mas ao você colocar o CD na bandeja, o Windows Media Player reconhece e lista o nome das músicas.
    Depois disso, uso a opção “Copiar do CD” do Windows Media Player, após ter alterado em “Mais Opções” de “Copiar do cd”, o formato para MP3 e192 kbps e informar o caminho onde quer que fique o arquivo MP3. Aplicar e Ok. Este processo significa rippar as músicas, transformando o formato WMA em MP3.
    Uma vez que você tenha os arquivos em MP3 no seu computador, pode fazer o que quiser, transferir para players portáteis, gravar CD de dados (utilizo o Nero), etc.
    Espero ter ajudado.

Os comentários estão fechados.